– ESTUDO E OBSERVAÇÃO

Abraçando a fé raciocinada, ao espírito não será lícito eximir-se ao estudo. Valer-se do pensamento alheio, a fim de progredir e elevar-se, mas, formar as ideias próprias. Ler e meditar. Aprender e discernir. Antes de tudo, compulsar Allan Kardec e anotar-lhe os princípios, de maneira a observá-los no cotidiano, é obrigação dos que se abeberam nas fontes do Cristianismo Redivivo. Não só frequentar as lições do Codificador da Doutrina Espírita, mas, igualmente, confrontar-lhe os textos com ...
More

– O TEU CRISTO

Possui recursos inimagináveis que estão em germe em tua alma, aguardando os teus estímulos. Por enquanto, sintonizas com as províncias de sombra por onde transitaste, e já deverias ter-se libertado da sua presença. Vez que outra descobres toda a força que jaz em ti, aguardando. Jesus utilizou-se dos seus recursos para demonstrar a finalidade a que se destinavam. Acalmou os ventos e devolveu ao mar a sua tranquilidade. Liberou obsidiados e restituiu o equilíbrio aos obsessores. Sarou enf...
More

– SEJAMOS O SAL DA TERRA

O homem é chamado a ser o sal da Terra para oferecer a sua contribuição pessoal na obra de Deus. Somos chamados a dar o nosso toque pessoal. Por isso, não podemos esperar por uma vida isenta de desafios, ao contrário, é na superação dos desafios que o homem encontrará o sentido da própria vida, ao descobrir que pode fazer em ponto menor o que Deus faz em ponto maior. Nisso reside a compreensão da expressão bíblica “sois deuses”. Quando nos tornamos sal da Terra, abandonamos a mediocridade, ...
More

– COMEÇAR DE NOVO

Erros passados, tristezas contraídas, lágrimas choradas, desajustes crônicos!... Às vezes, acreditas que todas as bênçãos jazem extintas, que todas as portas se mostram cerradas à necessária renovação!... Esqueces-te, porém, de que a própria sabedoria da vida determina que o dia se refaça cada amanhã. Começar de novo é o processo da Natureza, desde a semente singela ao gigante solar. Se experimentaste o peso do desengano, nada te obriga a permanecer sob a corrente do desencanto. Reinicia...
More